Buscando conexões de rede

A vida tem mais graça quando a gente se conecta. Faz parte de nossa humanidade o desejo e a necessidade de conexão com outros seres semelhantes.

O isolamento, ou recolhimento, é necessário para que possamos olhar para dentro e nos conhecermos, nos transformarmos e evoluírmos. Porém, a conexão com outras pessoas revela perspectivas e fragmentos que não conseguiríamos perceber sozinhos e enriquece a jornada.

Aquela história de ter alguém, talvez um amor romântico, para divider a vida? Não cheguei lá ainda. Amores verdadeiros podem se revelar na forma de amigas, mães, primas, irmãs, quando as almas se conectam. São aquelas pessoas que dão aquele empurrãozinho para fora da zona de conforto, apontam defeitos e dão a mão para ajudar a evoluir; dão colo para os dasabafos e os medos, força para enfrentar tudo de cabeça erguida; incentivam; lembraam o quanto somos únicas, especiais e valiosas.

Mas o que a gente esquece – e muitas vezes nem presta atenção – é que até mesmo as conexões superficiais podem fazer isso. Aquela pessoa que você esbarrou na festa de um amigo de um amigo, que você conversou por 5 minutos, pode plantar uma sementinha de ideia que vai transformer algo dentro do você.

A gente tá sempre buscando wi-fi liberado para nos manter conectados. Mas e o o wi-fi instalado dentro da gente, tá buscando rede?

Deixe-se conectar.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s